Home Nordeste Acontece Conselheiro Reinaldo Moura é homenageado em sua última sessão no TCE

Conselheiro Reinaldo Moura é homenageado em sua última sessão no TCE

129
0

Um ciclo iniciado em 08 de fevereiro de 2001 foi encerrado nesta terça-feira, 10, no Tribunal de Contas do Estado de Sergipe (TCE/SE). Trata-se da passagem do conselheiro Reinaldo Moura pelo órgão. Na véspera do dia em que completa 70 anos – momento no qual todo servidor público se aposenta compulsoriamente – o conselheiro participou de uma sessão do Pleno voltada exclusivamente a homenageá-lo.

Na oportunidade, os conselheiros presidente e vice-presidente, Carlos Alberto Sobral e Carlos Pinna, respectivamente, além do procurador-geral do Ministério Público de Contas, José Sérgio Monte Alegre, enalteceram sua dedicação à Casa e sua postura profissional enquanto esteve responsável pela análise de contas públicas. O deputado federal André Moura, filho do conselheiro, também participou da sessão.

Para o conselheiro Carlos Alberto, o desempenho de Reinaldo Moura nas sessões e suas qualidades morais “fizeram dele um ponto de referência também neste Tribunal”. O presidente do TCE foi o primeiro a falar, passando a palavra em seguida ao próximo presidente, o conselheiro Carlos Pinna, que discursou em nome do colegiado.

“Sua maior produção foi, durante a vida, agregar amigos, fazer das ideias um baluarte de melhoria das pessoas, dos grupos e das instituições, e foi isso que nós nos admiramos ao ver fazer aqui, sobretudo uma imensa modificação no nosso Tribunal”, ressaltou Pinna.

O vice-presidente do TCE destacou  as realizações proporcionadas ao Tribunal no período em que o conselheiro Reinaldo Moura ocupou a presidência da Casa, entre março de 2009 e fevereiro de 2011. “Devemos muito ao conselheiro Reinaldo Moura, mas devemos sobretudo a essa abertura para o diálogo com a sociedade, que a partir da sua gestão, ou seja, a partir das comemorações dos 40 anos do Tribunal, nós passamos a ter como modelo para nós e para o país”.

Já o procurador-geral Sérgio Monte Alegre, avaliou o momento como a celebração de um recomeço na trajetória profissional do conselheiro. “Eu não me lembro de uma única vez em que vossa excelência tenha cometido algum excesso, alguma censura nos julgamentos. Sempre foi ou bom relator, ou bom debatedor”, observou.

As origens do conselheiro natural de Japaratuba, o início de seu trabalho destacado nas rádios e sua carreira parlamentar antes de ingressar no TCE foram momentos lembrados pelo deputado federal André Moura. “Já nesta Corte de Contas eu tenho certeza que Reinaldo Moura trouxe uma nova forma de julgar contas, do diálogo com todos os conselheiros, mas um diálogo de quem veio do meio político, para conversar de perto com os gestores públicos municipais principalmente”, afirmou.

Gratidão

Sem esconder sua emoção, Reinaldo Moura proferiu discurso iniciado com uma homenagem do governador Marcelo Déda, falecido na madrugada da última segunda-feira, 02. Em seguida, agradeceu aos conselheiros e servidores do TCE, aos membros parquet de Contas, familiares e amigos que acompanharam sua passagem pela Corte de Contas.

“Quando entrei tinha duas propostas que acabei concretizando: uma era dar mais transparência às ações do Tribunal, o que fiz com a montagem de toda a estrutura da Comunicação e também indo ao encontro do povo para explicar o que fosse necessário; outra foi a tranquilidade com que agi, com isenção, com honestidade, com seriedade, naquilo que passou pelas minhas mãos e que dependiam de um voto meu”, colocou.

Em complemento às homenagens ao conselheiro que se despede de suas atividades, foi descerrada uma placa dando o nome de Reinaldo Moura ao prédio em anexo ao edifício-sede, onde funciona o restaurante da Corte de Contas. Com boa parte da estrutura construída na gestão do conselheiro Reinaldo Moura, o prédio abriga ainda uma área para dar suporte aos motoristas e um setor da Coordenadoria de Informática responsável pelos backups do TCE.

Fonte: TCE-SE

AnteriorAgenda das Lideranças Empresariais do Turismo
PróximoNova fase para o turismo de Balneário Camboriú