Home Nordeste Acontece NOVA PRESIDENTE PARA O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SERGIPE (TCE/SE)

NOVA PRESIDENTE PARA O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SERGIPE (TCE/SE)

246
1

A solenidade de posse da conselheira Maria Isabel Carvalho Nabuco d’Ávila como presidenta do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe (TCE/SE) foi bastante prestigiada por autoridades de diversos segmentos que fizeram questão de parabenizá-la pessoalmente e lhe prestar votos de uma gestão destacada e inovadora.

“A renovação da mesa diretora de uma instituição é sempre um momento importante. E hoje não deixa de ser uma data histórica, já que pela primeira vez uma mulher estará dirigindo o Tribunal de Contas de Sergipe. Venho aqui reafirmar nosso desejo de continuar trabalhando de maneira colaborativa para o Estado de Sergipe”, disse o governador do Estado, Marcelo Déda.

A deputada estadual Angélica Guimarães, outra mulher que assumiu recentemente a presidência de um órgão de destaque, ressaltou a importância deste momento: “com certeza estamos vivenciando uma nova fase no TCE, com a primeira mulher a presidir a Casa, exercendo seu papel com zelo e seriedade, assim como já vinha fazendo um trabalho belíssimo”.

O desembargador Luiz Mendonça também destacou o papel que será desempenhado por uma mulher na Corte de Contas. “Toda mudança de poder sempre gera alguma expectativa, que aquele que sucede faça um trabalho melhor que o anterior e que faça um trabalho consolidado. E agora pela primeira vez temos uma mulher dirigindo um órgão como o Tribunal de Contas de Sergipe, não tenho dúvida que ela fará um excelente trabalho”.

O conselheiro Sebastião Helvécio, de Minas Gerais, esteve presente e aproveitou para ressaltar a relevância do papel desempenhado pela conselheira. “É uma coincidência muito feliz, pois também temos uma mineira à frente do nosso Tribunal, assim como em Sergipe agora. A própria biografia da conselheira Isabel Nabuco nos mostra que ela inovará com medidas que valorizem cada vez mais o trabalho realizado no Estado, com certeza será um sucesso”, falou ele.

Reconhecimento

“Entendo que este é um momento muito importante em nossa história, a vitória de uma mulher extremamente competente, séria, que chega ao ápice de sua carreira. Ainda hoje o Estado colhe os frutos de seu trabalho. Tenho certeza que a presidência da Dra. Isabel Nabuco vai enriquecer não só o Tribunal como o Estado, diante da sua capacidade de realizar um trabalho com muita seriedade”, elogiou o ex-governador João Alves Filho.

“É mais um dia de grande importância para o TCE. Reinaldo Moura fez transformações importantes, o Tribunal agora se apresenta de forma mais aberta e transparente, e com certeza Dra. Isabel vai dar prosseguimento a este trabalho”, concluiu Sílvio Santos, vice-prefeito da Capital.

Também presentes estavam diversos prefeitos, vereadores e secretários de Estado, bem como juízes, procuradores e desembargadores, amigos e familiares da conselheira, os componentes do colegiado do TCE e seus auditores, procuradores e subprocuradores.

 Em seu discurso o presidente Reinaldo Moura destaca:

 “Sou profundamente grato a todos os meus colegas Conselheiros. Considero um privilégio e uma honra ter presidido o Tribunal de Contas do Estado de Sergipe durante um momento histórico: a comemoração dos seus 40 anos de existência e ter atuado nessa instituição ao lado de bravos e inesquecíveis companheiros. (citou) “Em Carlos Alberto Sobral, um sempre privilegiado interlocutor, professor emérito de todos nós, tive sempre a solicitude esclarecedora nos momentos em que alimentei dúvidas. Carlos Pinna de Assis, homem de visão cosmopolita, capaz de decifrar enigmas que a vida e a atividade pública sempre nos apresentam.
E chegaram os novos. Primeiro, Clóvis Barbosa, jurista dotado de uma inteligência nunca satisfeita e, por isso, levando-o a devassar sempre campos mais vastos do conhecimento. Depois, aqui chegou meu colega de Assembléia Legislativa, Ulices Andrade, aliado ou adversário nos embates políticos que vivemos, invariavelmente leal, amigo sempre.

“Aproveito a oportunidade para, publicamente, externar os meus agradecimentos, e o reconhecimento, à profissão dos procuradores João Augusto Bandeira de Melo, Carlos Valdemar Resende Machado, Sérgio Monte Alegre, e aos Subprocuradores Luis Alberto Menezes e Eduardo.
Em especial, ao Dr. Bandeira de Mello, Pernambucano dos mais notáveis, os mais sinceros agradecimentos. “

“Agora, nesses tempos saudáveis de florescente ascensão feminina, chega, pela primeira vez à presidência do Tribunal de Contas de Sergipe, uma mulher. Maria Isabel Carvalho Nabuco d’ Ávila irá substituir-me agora, e isso, para mim, para todos os que compõem este colegiado, enfim, para a sociedade sergipana, é motivo de satisfação, ao mesmo tempo, de absoluta certeza de que a administração desta Casa se processará de forma competente e harmoniosa.
Sem nenhuma dúvida, com toda justiça e por todos os títulos e méritos reconheçamos com alegria e entusiasmo: esse, realmente, é o grande momento das mulheres.
Mulher na presidência do Tribunal de Contas (Isabel Nabuco); mulher na presidência da Assembléia Legislativa (Angélica Guimarães), mulher na presidência da República (Dilma Roussef).”
Por fim…Disse:
“Que continuemos assim, com espírito público e entusiasmo, servindo a este Tribunal, servindo a Sergipe, servindo ao povo sergipano”.

AnteriorDIREITOS FUNDAMENTAIS NA POESIA
PróximoSÃO FRANCISCO XAVIER – Um paraíso ao seu alcance

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here