Home Diversidade Roberto Oliva comenta a Feira Internacional de Intralogística sob um olhar europeu

Roberto Oliva comenta a Feira Internacional de Intralogística sob um olhar europeu

151
10

O consultor revela o que representou para os setores de Transporte e Logística  o evento promovido pela Cemat e Log Web

Há 20 anos, tive oportunidade de iniciar minha carreira profissional na Europa, assumindo a Direção Geral da TNT LOGISTICS para Portugal e Espanha. E durante todo este período, venho procurando estabelecer paralelismos entre o desenvolvimento da logística materializada entre a Europa e Estados Unidos e o Brasil.

 Nosso país vive hoje um momento de desenvolvimento histórico, logicamente amparado pela estabilização de nossa moeda com o Plano Real e a sequência de medidas que tornaram a economia brasileira globalizada.

 Minha participação no evento – brilhantemente coordenado pela Log Web, em parceria com o Grupo Cemat – me permitiu concluir que nosso desenvolvimento logístico já é “imparável”.

 Os debates realizados durante o simpósio permitem concluir que o Brasil não tem nada que invejar as principais potências económicas. Principalmente em relação às metodologias utilizadas para apoiar a consolidação da função logística, que é determinante para o nosso desenvolvimento econômico.

 Vivemos um período no qual o setor de Logística e Transportes está convidado a se consolidar de maneira acelerada. Assim com foi acelerado o progresso da economia nacional nas últimas décadas.

 Caminhamos a passos largos para a realização de interessantes movimentos de consolidação de empresas dos setores de Logística e de Transportes. Assim como a materialização de fusões entre organizações do setor e o fortalecimento das pequenas e médias empresas, a partir de sua gestão profissional.

 Tudo isso vai fazer com que a oferta de prestação de serviços por parte da indústria de Logística e de Transportes ofereça ao consumidor final o aspecto determinante de colocar o produto no lugar e no momento adequado. Cumprindo assim o objetivo de fazê-lo dentro de um custo compatível com as economias mais desenvolvidas.

 A Feira de Intralogística ofereceu um momento impar de debates, interlocução direta com especialistas nacionais e internacionais, complementada pela presença de expositores que apresentaram – de maneira pratica – como a técnica pode ser colocada à disposição dos operadores, para atingir seus objetivos.

 Não podemos esquecer o Brasil precisa solucionar uma série de questões dos chamados gargalos logísticos. Entretanto, a grande obra que o país tem pela frente vai permitir um desenvolvimento acelerado da infraestrutura logística e oferecer a oportunidade de interagir com profissionais de todo o mundo – interessados em conhecer o avanço do milagre brasileiro. Tudo isso fará com que os setores de Logística e de Transportes ocupem a posição de vanguarda que está reservada aos setores estratégicos para o desenvolvimento nacional.

 Um evento com a dimensão da Feira colabora de maneira decisiva para que o Brasil ocupe a posição que tem reservada no cenário internacional: ser uma das 5 maiores potências do mundo, nos próximos dez anos.

 *Roberto Lacerda Oliva é Diretor Geral da Press Log – Assessoria de Comunicação (www.presslog.com.br), Consultor Internacional de Logística e especialista em Operações de fusões e aquisições para empresas de Logística e Transportes. Oliva reside na Europa desde 1991, mas sua organização está presente na Espanha, Portugal e Brasil.

 PRESS LOG, Rua dos Buritis, 128, Conjunto 208 B

04321-000- São Paulo, SP, Telefone: Brasil: + 55 11 38544500, Europa: + 34 627 780244

AnteriorVITRINE…………………..BY LANA CAMARGO
PróximoGENTE QUE ACONTECE ESPECIAL

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here